top of page

10 Razões para não fazer pausas (e querer sempre mais)



ananás com óculos de sol
Pexels | by Lisa Fotios

Num mundo obcecado pela produtividade, aqui estão dez "excelentes" razões para nunca fazer pausas e desejar sempre mais:


  1. Experimentar o "verdadeiro sabor" da exaustão: abraçar o cansaço extremo é o primeiro passo para provar que está comprometido ao máximo. Afinal, só as pessoas verdadeiramente dedicadas conhecem o sabor do Burnout.

  2. Participar numa maratona sem fim à vista: ao renunciar a momentos de pausa correrá rumo a uma recompensa ilusória de satisfação que desaparece quanto tenta alcançar ainda mais.

  3. Aprender a valorizar o trabalho acima de tudo: descobrirá que todos os outros aspetos da sua vida - hobbies, amizades, tempo em família - não são importantes quando comparados com a gloriosa busca por mais produtividade.

  4. Cultivar uma relação intima com o stress: ao renunciar às pausas, o stress torna-se o seu maior companheiro, ajudando-o a sentir-se sempre no limite.

  5. Transformar o multitasking ineficiente numa arte: fazer várias coisas ao mesmo tempo (e nenhuma particularmente bem) será a sua melhor competência, mesmo que todos os estudos digam que é uma péssima ideia.

  6. Desenvolver uma fascinante coleção de problemas de saúde: dores de cabeça, insónia, ansiedade são apenas alguns dos "benefícios" que acompanham a sua recusa em fazer pausas e colocar o foco no essencial.

  7. Ignorar os prazeres simples da vida: quem precisa de apreciar o pôr do sol ou um bom livro quando se pode trabalhar até tarde e sentir-se produtivo até à exaustão?

  8. Construir um impressionante muro de isolamento: trabalhar incessantemente é uma excelente forma de se isolar de amigos e familiares, garantindo que a sua única companhia seja o seu trabalho.

  9. Aprender a confundir exaustão com realização: sentir-se completamente esgotado ao final do dia será interpretado como um sinal de que fez algo importante, mesmo que já não se recorde do que foi.

  10. Descobrir que nunca é suficiente: a maior lição de todas é que, não importa quanto trabalhe, sempre haverá mais para fazer. A sensação de realização é sempre temporária e ilusória, deixando-o numa busca constante por algo mais, mas não sabe bem o quê.



Se se identifica com qualquer uma destas razões, talvez seja o momento de repensar a sua abordagem ao trabalho e à vida. A produtividade consciente e o respeito pelos seus limites e ritmos individuais não são apenas essenciais para a sua saúde física e mental, mas também para alcançar uma verdadeira satisfação e significado. Fazer pausas é fundamental para ser produtivo de forma sustentável e equilibrada.


Tome nota: menos pode ser realmente mais e fazer uma pausa pode ser o mais produtivo que pode fazer por si mesmo.




sofia





Fundadora e CEO Sowise time lab.




Pronto para fazer uma pausa e transformar a forma como experiencia o tempo e a produtividade na sua vida?


Descubra como a nossa mentoria individual o pode guiar para além da exaustão e insatisfação constante, rumo a um caminho de realização e equilíbrio.


Agende a sua sessão prévia gratuita.








140 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page